AVENCA

AVENCA
Adiantum capillus-veneris
Nome científico
Adiantum capillus-veneris L.
Família
Pteridaceae.
Outros nomes populares
avenca-comum, avenca-do-canadá, cabelo-de-vênus. Culantrillo (espanhol); capillaire (francês); maidenhair (inglês); capelvenere (italiano).
Constituintes químicos
óleos essenciais (eugenol), hidrocarbonetos terpênicos, aldeídos, látex, goma tirucalli, resina, diterpenos do tipo tigliano (ésteres de forbol) e ingenano (ésteres de ingenol), 4-desoxi-forbol e 12-O-tetradecanoil forbol-13-acetato; 12-0-(22) (4E )-octadienol-4-deoxiforbol-13-acetado; ácido 3, 3Â’-di-0-metil-elágico; beta-sitosterol; ácido cítrico; ácido elágico; eufol; euforona; glucose; hentriacontanol; isoeuforal; kaempferol; ácido málico; sapogenina-acetatos; ácido succínico; taraxasterol; taraxerina; tirucalol.
Propriedades medicinais
adstringente, antiasmática, antibacteriana, antidiarréica, antidisentérica, antiinflamatória, antioxidante, anti-seborréica, antitussígena, antiviral, aperiente, balsâmica, béquica, cardiotônica, colagoga, colerética, demulcente, depurativo, desintoxicante, diaforético, digestiva, diurético, emenagogo, emoliente, estimulante, expectorante, hemostática, hepática, hepatoprotetora, hipocolesterolêmica, hipoglicemiante, hipotensiva, laxante, peitoral, sudorífera, tônico.
Indicações
afecções catarrais das vias respiratórias, aparelho respiratório, aperiente, asma, bexiga, bronquite, catarro, caspa, debilidade das parturientes, dismenorréia, distúrbios do ovário e da bexiga, dor, dores menstruais, dores reumáticas, esclerose, febre, fígado, hepatite, hidropisia, inflamação do baço, laringite, peitoral, picada de cobra, picada de aranha, pulmão, queda de cabelo, regular a menstruação, resfriado, respiração, ressecamento da garganta, rouquidão, tórax, tosse, verrugas.
Parte utilizada
folhas e rizomas.
Contra-indicações/cuidados
não encontrados na literatura consultada.
Modo de usar
<br>- infusão ou decocção: <br>- 5%, 50 a 200ml/dia; <br>- 1 parte de folha: 100 partes de água. Tomar 8 a 10 colheres das de sopa por dia, meia hora antes das refeições; <br>- 1 xícara das de cafezinho em 1 litro de água. Tomar 2 a 4 xícaras ao dia;<br>- infusão de 20 g de folhas em meio litro de água fervente, deixar esfriar e filtrar. Adoçar com mel, tomando-o, em duas vezes, durante o dia: catarro bronquial, gripe, tosse;<br>- decocção de 25 g de folhas de avenca, 20 g de raiz de polígala, 20 g de sumidades floridas de marroio e 15 g de alcaçuz. Ferver, por 15 minutos, em três litros de águas, Filtrar, deixar esfriar e adoçar com mel. Tomar três ou quatro xícaras durante o dia, longe das refeições: catarro bronquial, gripe, tosse;<br>- decocção de 100 g de avenca seca em um litro de água, por meia hora. Filtrar o líquido e empregá-lo em fricções diárias no couro cabeludo: evitar calvície, caspa, queda de cabelo;<br>- xarope. Macerar 30 g de folhas de avenca em meio litro de água. Deixar no mínimo três horas, coar em guardanapo, apertar bem as folhas para sair todo o líquido. Adicionar o dobro do peso do líquido de açúcar ou mel, aquecer em banho-maria até a dissolução completa. Acrescentar, finalmente, 30 g de água de flor de laranjeira e consumir o xarope em colheradas, diversas vezes ao dia (20 a 100ml/dia): rouquidão;<br>- extrato fluido: 210ml/dia;<br>- tintura: 10 a 50ml/dia. Tomar 1 colher das de sopa a cada 8 horas; Passar em verrugas três vezes ao dia.
Algumas espécies dos gêneros

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *