asaro

ÁSARO

Asarum europaeum
Nome científico
Asarum europaeum L.
Família
Aristolochiaceae.
Outros nomes populares
ásaro haschwurz (alemão); assaret (francês); asarum, asarabacca, hazlewort, wild nard (inglês); asaro (italiano).
Constituintes químicos
– raiz: óleo volátil, asaron (cânfora de asarum C20H26O5), asarit, asarin (asarone, pinene e eugenol-metil-éter), resina, amido, glúten, albumina, vários sais, etc.
– folhas: asarin, ácido tânico, ácido cítrico, clorofila.<

Nota: asarum e asarit, têm a mesma composição química, diferindo nas propriedades físicas.

Propriedades medicinais
excitante, expectorante;
raiz: diurético, emético;
Folhas: purgativa, catártica, emético, errina.
Indicações
afecções do cérebro, olhos, face e garganta; apoplexia, bronquite, coqueluche, dermatoses, dor de cabeça persistente, dor de dente, enfermidades gastrintestinal, febre intermitente, oftalmia; paralisia da boca e língua; produzir vômitos, tosse.
Parte utilizada
folhas, raiz.
Contra-indicações/cuidados
é muito perigoso para ser usado sem supervisão médica.
Produz irritação nasal, seguida por secreções livres.
Modo de usar
Não ferva esta erva. Ferver diminui as suas propriedades.
– folhas secas e reduzidas a pó aspiradas pelas narinas: dores de cabeça persistente;
– infusão de um punhado de folhas frescas de ásaro em um litro de água fervente. Coar, adoçar e tomar 50 ml por vez, durante o dia: tosse seca;
– infusão: colocar sete folhas fresca de ásaro, 2 g de raízes em uma xícara de água quente. Coar e beber em seguida: vômito.
– tintura interiormente é estimulante em doses de 0,5g; emético 2 ml a 4 ml.
Algumas espécies dos gêneros

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *